Páginas

Marcadores

domingo, 19 de fevereiro de 2012

A morte e Eu – I

Se arrependimento matasse, eu estaria morto.
Se a morte tivesse autorização, eu estaria morto.
Se Samael não estivesse preso, eu estaria morto.
Se o mundo tivesse acabado, eu estaria morto.

Mas por que a morte me persegue?
Eu nem sou interessante,
não tenho dinheiro,
nem ao menos sou o maior pecador.
Qual o seu interesse em mim?

Em conversa com Deus; ele diz não ter
autorizado. Lúcifer se quer sabe do
que se trata.

Pela primeira vez
a morte estava agindo por conta própria.

A perseguição se estende pelos 07 céus.
Miguel, atual primeiro anjo, responde
por todos e diz não saber de nada,
estava só e nem o diabo
podia me ajudar.

Fugir não é uma escolha,
frente a frente com a morte
perguntas não são cabíveis,
seu olhar fulminante me cortava
a alma e me sangrava;
olho para os lados, estava escuro e
no céu uma nuvem anunciava...

Obs. Continua...

Nenhum comentário: