Páginas

Marcadores

domingo, 3 de junho de 2012

Gigolô do Amor

Eu sou um gigolô,
vendo aquilo que muitos renegam,
que alguns admitem adorar
e
que outros simplesmente não comentam.

O que eu vendo muitas vezes
está no centro do palco que
tem como foco as discussões,
sentimentos
e
os moralistas.

As pessoas se casam em sua procura,
alguns se separam por sua causa
e
outros apenas o encontram em trivialidades.

Eu sou um gigolô e como
muitos o observo à distância;
na verdade tenho medo e por isso
como um gigolô eu apenas vendo.
Vendo amor!

Nenhum comentário: