Páginas

Marcadores

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

Iludido

Eu te contaminei,
e foi com o vírus da paixão.
Ele te consome por inteira
e não lhe resta opção.
Amar e ser amado.
É o que tem pra hoje;
ser feliz e desejado.
Aceite de bom grado.
Não resista.
Trate a mim, não como inimigo;
nem como um amigo,
mas como um iludido.
Acredite no amor.
Não há nada a se tirar e nem por.
Estamos juntos;
é só o que importa.

Nenhum comentário: